Vou casar. E agora?

Viviane Freitas

  • 20
  • Ago
  • 2010

Vou casar. E agora?

  • 20
  • Ago
  • 2010

Preparamos um guia prático para o casamento dos sonhos.

As principais dicas e o passo a passo que vai transformar a loucura dos preparativos que antecedem a cerimônia em uma certeza: casar vale a pena!

Já era o tempo em que mamãe, vovó e titia passavam o ano todo idealizando o casamento de princesa que todos sonhavam.

A moda agora é fazer com que o seu casamento aconteça sem desastres, tenha a personalidade dos noivos em cada detalhe e permita que todos se divirtam: inclusive você!

Para você entender todo o processo, dos preparativos ao dia da cerimônia, convidamos uma noiva de última hora, a Ana Diniz, para ser a personagem deste especial e colocamos à disposição dela excelentes profissionais.

Ela e o noivo decidiram a data, mas deixaram para resolver tudo quando faltavam apenas três meses.

E esse foi o grande desafio. O que fazer? Como fazer? Essas perguntas foram respondidas em uma agenda mês a mês em uma contagem regressiva baseada nos tópicos apontados por Fredh Hoss e Val Lima, especialistas em cerimoniais, que afirmam: “Um ano é essencial para que tudo saia conforme planejado”.

Mas se você decidiu se casar com menos tempo de antecedência, como a Ana, terá que adaptar as datas e a dedicação de todos deverá ser ainda maior

12 meses antes

– A primeira coisa é escolher a data do casamento. Cuidado apenas com os feriados e os meses de férias escolares.

– Reserve a igreja – se for casar no religioso -, defina como vai ser a recepção e visite alguns espaços.

– Se for utilizar o serviço de um consultor, esta é a hora de escolher o profissional certo que dará continuidade aos itens dessa lista.

– É o momento de decidir onde vocês vão morar: quem casa quer casa!

10 a 8 meses antes

– Escolha o modelo do seu vestido: vai comprar ou alugar? Procure a loja ou o estilista que será responsável pelos ajustes.

– O consultor tem o contato dos melhores fotógrafos, músicos, confeitarias e boleiras, floriculturas e decoradores, isso facilita a escolha.

– Decida onde será a lua-de-mel. Pesquise alguns destinos, confiram os preços e o que será necessário providenciar (passaporte, vistos etc). se possível, façam as reservas.

– Defina o local da festa e o que vai servir.

8 a 6 meses antes

– Defina o cardápio da festa. Marque uma reunião com o maître ou gerente do buffet e uma com o cerimonial (se você optou por este serviço).

– Finalize a lista de convidados, veja se não há nomes repetidos e se a grafia dos nomes e os endereços estão corretos.

– Convide os padrinhos e as madrinhas do religioso e do civil, as daminhas e os pajens. Decida como deve ser a roupa das madrinhas, cores que podem ou não ser usadas. Faça o convite pessoalmente.

– Defina a decoração da igreja e da festa junto ao cerimonial. Não se esqueça de verificar quais são as flores da época: elas geralmente saem mais baratas porque são mais fáceis de conseguir e estão mais bonitas.

6 a 4 meses antes

– Confirme a lua-de-mel e prepare a papelada.

– É o momento certo para fazer os convites e, se forem usar, os cartões de agradecimento de presentes. Tente fazer tudo na mesma empresa para

conseguir negociar descontos. Se for usar o serviço de um calígrafo, contrate agora também.

– Elabore um mapa com a localização da igreja e da recepção para os convidados de fora.

– Entre em contato com bandas, corais e DJs que toquem em casamentos e já feche contrato com eles para a igreja e para a festa. Não se esqueça de

discutir com eles seu estilo musical.

– Utilize o serviço de cerimonial (extremamente recomendável) e defina quem será o “anjo da guarda” do seu grande dia.

– Comece a montar uma lista de presentes. Não se esqueça de verificar em quais lojas é possível deixar uma lista pronta para ser indicada aos convidados.

– Contrate os serviços de foto e vídeo. Deve ser levado em consideração não só o valor cobrado, mas também a qualidade e o atendimento do profissional.

– Escolha como será o bolo e os docinhos.

– Se o seu vestido for feito sob medida, é hora de começar as provas. Verifi que as datas com seu estilista e aproveite para escolher os sapatos.

– Se o casal não usar aliança durante o noivado, é o momento de o noivo comprá-las e gravar os nomes.

3 a 2 meses antes

– Providencie toda a documentação para o casamento civil e marque a data no cartório.

– Definir roupas do noivo, dos padrinhos, das damas e dos pajens. Uma boa opção para o vestido das damas é a locação ou primeira locação.

– Escolha e compre as lembrancinhas.

– Faça as listas de presentes em, pelo menos, duas lojas da sua cidade, assim seus convidados terão mais alternativas.

– Combine com o buffet o dia de provar a comida. Faça isso logo, para dar tempo de consertar se alguma coisa não sair como você imaginava.

– Converse com os músicos sobre a escolha das músicas e o repertório tanto para a festa como para a igreja.

– Encontre o florista para acertar os detalhes da decoração.

– Veja como você vai querer o seu buquê e acerte os detalhes com quem vai fazê-lo.

– Se for alugar um carro para ir ao casamento, está mais do que na hora de pesquisar preços e fazer uma reserva.

– Se for usar seguranças e manobristas, pesquise os preços e já feche contrato com alguma empresa.

– Comece a pensar no cabelo e na maquiagem. Visite empresas e converse com profissionais. Defina se vai usar alguma coisa na cabeça, como uma coroa, flores ou tiara.

– Se possível, faça o Dia da Noiva. Este serviço oferecido por alguns cabeleireiros e centros de estética proporcionam, além de todos os tratamentos faciais e corporais necessários, momentos de tranquilidade antes do seu casamento. Alguns ainda oferecem o Dia do Noivo. Indispensável.

– Envie os convites para os convidados de outras cidades e entregue pessoalmente os convites para padrinhos, pais de daminhas e pajens.

– Verifique os toaletes, se será necessário providenciar toalhas e sabonetes. Caso tenha contratado, cerimonial se encarregará disso.

– Faça a reserva para noite de núpcias.

– Lembre-se de comprar um presente para a pessoa mais importante do seu casamento, o seu noivo, afinal, ele será seu futuro marido. Essa dica vale para o noivo também.

1 mês antes do casamento

– Distribua o restante dos convites. Verifique se não esqueceu de ninguém na lista de convidados. Entre um mês e meio e quinze dias do casamento, todos devem ter sido entregues.

– Se necessário, converse com o maître ou gerente do buffet e acerte os detalhes finais da recepção e a disposição dos lugares.

– Combine os detalhes e marque as datas dos chás de panela ou bar com os amigos que vão organizá-los. O ideal é que aconteça uns quinze dias antes do casamento.

– Faça a prova de cabelo e maquiagem. Se você for mudar a cor dos cabelos, fazer reflexos ou permanentes, este é o momento!

– Marque um ensaio da cerimônia com seu cerimonial. Se necessário, faça uma reunião para verificar se está tudo certo.

– Marque uma reunião com o pessoal da decoração e confirme a posição dos arranjos e outros detalhes.

– Confirme todos os horários que marcou: cabeleireiro, Dia da Noiva e possíveis reuniões.

– Separe em uma pasta todos os cartões que acompanham os presentes, anotando atrás o que ganhou, para poder enviar os agradecimentos.

– Compre uma lingerie para o dia do casamento e para a lua-de-mel.

15 dias antes do casamento

– Confirme as reservas da viagem, hotel, passagens e comece a fazer as malas.

– Faça a última prova de vestido.

– Cheque a mudança de nome nos documentos.

– Marque uma reunião com seu cerimonial e acerte os detalhes pendentes, verifi que os nomes dos convidados que não responderam ao convite (isso será útil para o maître. Confi ra os acessórios que for usar no dia (meias extras, alfi netes de segurança, joias ou bijuterias).

– Aproveite ao máximo o chá-de-cozinha ou chá-bar. Divirta-se!

7 dias antes do casamento

– Alimente-se bem e prepare-se para a semana. Uma boa dica é fazer um tratamento de pele e cabelos, com tudo a que tem direito.

– Se for definir quem senta em cada mesa, mande o plano de mesas para o buffet ou passe para seu cerimonial.

– Monte um kit de emergência e deixe com alguém cuidadoso ou seu cerimonial para levar no dia do casamento. Coloque: pó, batom, dois pares de meias, lenços de papel, linha, agulha, alfinetes, band-aid, um analgésico e qualquer remédio que você costume tomar.

– Lembre seu noivo de organizar-se no dia do casamento. o que vai fazer, com quem estará, quem irá ajudá-lo a se vestir e quem vai levá-lo à cerimônia.

1 dia antes do casamento

– Arranje um tempo para encontrar seu noivo e dê o presente.

– Tenha certeza de que tudo está resolvido, principalmente quanto à cerimônia, posições, entradas, juramentos e alianças. Peça ao seu cerimonial ou a algum amigo confiável para levar seu vestido, véu e buquê para o local onde você vai se trocar.

– Relaxe e procure dormir cedo.

Chegou o grande dia!

– Descanse bastante e coma só coisas leves.

– Aproveite os benefícios do seu Dia da noiva ou faça a mão, a maquiagem e o cabelo.

– Tente se arrumar com calma, relaxar e, principalmente, aproveitar. As coisas foram tão bem planejadas pelos profi ssionais que a auxiliaram que não tem como sair algo errado.

Um casamento em apenas 3 meses

Noiva com muito charme

A preparação para o grande dia deve ser acompanhada de tratamentos de luxo e cuidados com a beleza. Ana Diniz, nossa personagem deste especial, passou o Dia da Noiva na Ducharm. Lá recebeu tratamento de princesa e os cuidados dados a ela garantiram uma entrada triunfal. “Minha maior paixão é tratar das noivinhas. Quando elas se despedem, os meus olhos ficam marejados de lágrimas!”, afirma Célia, a responsável pelo Dia da Noiva.

A celebração religiosa e o civil

O Celebrante escolhido é notório por atender a noivos que querem uma cerimônia com os tradicionais votos, troca de alianças e beijo, mas que não seja igualzinha à que todo mundo já conhece. Fredh Hoss é celebrante de casamentos há 10 anos e com objetividade, mas sem deixar o romantismo de lado, emocionou a todos, envolvendo pais e padrinhos.

A celebração religiosa e a festa foram realizadas no Espaço Ônix, no Jardim do Golfe, ambiente luxuoso e um dos mais modernos espaços para eventos da Zona Sul de São Paulo, onde o casal de noivos, entre familiares e amigos, recebeu cerca de 250 convidados.

O banquete

Foi uma recepção sofisticada com excelente coquetel e um jantar inovador. Antes do tradicional couver, serviram comidinhas no estilo finger food. “Casamentos e festas mais descoladas já aderiram ao finger food, alimentos que são comidos com as mãos mesmo. Várias vantagens fazem você optar por esse conceito. Uma delas é a de oferecer diversos sabores em uma refeição.

Os pratos principais são transformados em porções menores, degustadas de uma vez só”, conta Érika Meira, banqueteira que também é proprietária, ao lado do marido, o empresário artístico Márcio Meira, do Espaço Ônix. “Foi pedido pelos noivos um cardápio que fizesse a festa continuar a fluir. Então mantivemos o serviço de coquetel full, servimos iguarias da cozinha brasileira à finger food e ilhas gastronômicas americanas”, complementou a banqueteira.

Registros eternos

Hoje os noivos têm optado por convidar fotógrafos que colocam em seu trabalho uma visão mais humanizada: são as chamadas fotos autorais, que trazem a visão do artista e a naturalidade dos noivos e convidados em cada momento registrado. Nilson Versatti é um dos artistas da fotografia mais requisitados pelos noivos atualmente. Traz no seu trabalho esse cuidado e essa visão de representar a família, além de fazer questão de planejar, com um roteiro de fotografia, como se fosse para um verdadeiro documentário.

Alianças e joias

As alianças escolhidas pelos noivos também contam sua história: num total de 8,8 gramas de ouro maciço 18k, coube à Rosana Negrão, a mais requisitada designer de joias da atualidade, interpretar os sonhos dos noivos. Rosana Negrão Joias hoje é considerada uma das grifes mais prestigiadas quando o assunto é casamento. Ela se considera a responsável pelas joias da família, “Os noivos escolheram alianças que combinam com suas histórias, portanto, sentirão diariamente a representação dos seus valores”, disse ela.

Os reis da festa

Como sugere a tradição, os noivos ofereceram aos convidados o famoso bemcasado. Além de ser o doce que representa o amor do casal, os convidados ainda puderam degustar em casa, no dia seguinte à festa, uma oportunidade de reviver o sonho que representou o evento. Já o bolo em base branca e com detalhes decorativos em verde foi montado em dois andares, e surpreendeu por ser todo de verdade, já que ultimamente algumas noivas optam por bolos cenográficos.

Noivinhos de açúcar? Nunca mais!

Os noivinhos do topo do bolo chamaram a atenção de todos por sua personalização. Foram esculpidos pela designer Sheila Araújo. “Não se usa mais cabeça de bolinha, noivinhos de açúcar, isopor ou bonequinhos, agora a onda é surpreender a todos”, afirma ela, que fez esculturas idênticas dos noivos, que podem servir como fofas peças de decoração na casa deles.

Doce vida

A sobremesa ficou completa com os docinhos finos da Spazio Dolce e foram os mais concorridos pelos convidados. A noiva confessou estar seduzida pelo sabor e beleza dos confeitos. “A mesa de doces é a que mais aparece como plano de fundo em foto e vídeo, por isso a nossa preocupação com a decoração dos doces estarem na mesma sintonia da decoração da festa”, complementa Davison Camargo, fundador da Spazio e responsável pela qualidade de seus produtos. “Os doces mantêm uma linha de sabores e são confeccionados um a um, além de serem adequados a cada cliente”, finaliza.

A novidade multímidia

A multimídia tomou conta da produção das festas de casamento e os elementos são todos integrados.

“Não existe um bom filme sem uma trilha sonora à sua altura”, afirma o proprietário da Klaus Entertainment.

Quando os noivos são modernos, a trilha sonora da cerimônia também segue essa tendência.

Diferente do que costumeiramente vemos, os noivos optaram pelo som mecânico para os cortejos do cerimonial do casamento e em telões bem localizados, além da imagem ao vivo que transmitiu a entrada dos noivos e recebeu efeitos especiais no telão. Isto ficou por conta de um VJ, novidade que chega às festas mais badaladas.

E o Oscar goes to…

Próximos da visão “documentário”, esse é um serviço que é novidade no mercado de casamentos.

“Os noivos já estão cansados de ver filmes de casamento que mostram os convidados posando como se fossem para foto. Os noivos querem um filme que faça a diferença”, afirmou Fernando Pelegrini, que, com uma equipe de profissionais filmou o casamento de nossa personagem e brincou: “Vamos concorrer ao festival de Cannes, garanto”.

Foi com essa proposta que o Studio Fernando Pelegrini assinou os vídeos do casamento de Ana.

Design sob medida

Na decoração, os designers de casamentos Antonio e Tamiris, da Festa Flor Decoração, deram um espetáculo à parte com o que há de melhor e mais belo em flores e arranjos. “Tudo ficou completo com a decoração e os complementos que eles utilizaram, eu amei”, disse Ana Diniz ao se recordar da entrada. O que chamou mais a atenção foram elementos aéreos: autênticas obras de arte com mais de três metros de comprimento desde o teto do salão.

Um brinde aos noivos

Uma festa com tantos detalhes, para consagrar-se, deve servir o tradicional vinho do casamento.

Acompanhando as características joviais do cenário, foi oferecido aos convidados uma excelente safra de Lambrusco.

Não faltou também o uísque e a boa cerveja. Os noivos finalizaram a noite na pista ao som das músicas que escolheram. Foi uma festa e tanto e agora esperamos que o seu casamento também seja um sucesso!

Fonte: http://itodas.uol.com.br/estilo/vou-casar-e-agora/

Revista Uma /Por Julio César Murena / Foto: Símbolo Imagens