Quando Deus disse “muito bom”

Viviane Freitas

  • 12
  • Jan
  • 2022

Quando Deus disse “muito bom”

  • 12
  • Jan
  • 2022

“E viu Deus tudo quanto tinha feito, e eis que era muito bom; e foi a tarde e a manhã, o dia sexto.” Gn 1.31

Olha que Deus lindo, maravilhoso, único, perfeito, amoroso demais!
Depois que Ele fez o homem, conforme a Sua imagem e semelhança, Ele os abençoou, dizendo: Frutificai, multiplicai, enchei a terra, e sujeitai e dominai. Ele os orientou a terem objetivo. E depois entrou em detalhes do alimento que eles poderiam comer.
Você percebe que Deus aqui está sendo Pai, zeloso, cuidadoso, dando orientação. E depois de tudo que Ele fez, então, Ele novamente observa tudo quanto tinha feito neste 6º dia, e eis que era muito bom; diferente dos demais dias que Ele havia dito que era bom. Mas, depois que Ele fez o homem, instruiu, orientou, abençoou, Ele falou: muito bom!

Ah, meu amigo e minha amiga, esse é o Deus que quero lhe apresentar. Ele não o criou para lhe deixar abandonado como um órfão, mas Ele quer ser participativo na sua vida. Ele quer que você O tenha como Pai. Quer lhe instruir. Porque tudo que Ele instrui é o melhor. Além de ser o melhor, Ele, sendo Deus, avalia a Sua obra, ou seja, mostra o quão seguro estamos com Ele. Pois Ele não é injusto.

Ele quer ser o seu Guia e, mais que isso, ser o seu Pai. Falar com você, andar com você, orientá-lo, seja você quem for, um ateu, religioso, descrente, não importa, Ele quer ouvi-lo e ensinar todas as coisas para você.

A pergunta é: você aceita esse Deus maravilhoso? A escolha é sua.