Obreira: Obreira que não se inclui…

Luisa Teixeira

  • 30
  • Out
  • 2014

Obreira : Obreira que não se inclui…

  • 30
  • Out
  • 2014

O artigo das obreiras de hoje vai ser bem sucinto e igualmente direto, pois o intuito destes posts, e não me canso de dizer, é para que todas as que visitam este espaço, semanalmente, recebam a orientação certa e verdadeira a qual, por mais dolorida que seja, é a que contribui para transformar o nosso comportamento.


Neste últimos dias, depois da festa dos Tabernáculos, recebi a triste noticia de que algumas obreiras não participaram e o pior de tudo, é que nem fizeram questão de se inteirarem do teor da festa, como se vivessem alienadas dos propósitos de Deus.

Desculpem o que vou dizer: É revoltante saber que ainda existem obreiras que não comungam do mesmo espirito que é vivido dentro da Obra de Deus, muito pelo contrário, excluem-se, dizendo que não têm tempo, que têm outros afazeres mais importantes, ou então: “Esse evento não é para mim…!” No fundo são só desculpas.

Já chegou ao nosso conhecimento que existem falatórios depreciativos, a respeito do trabalho sério do Godllywood, como se de um grupo fechado se tratasse, e que ainda há uma espécie de preconceito com os eventos para jovens, ou outras organizações dentro da igreja.

Se porventura é essa pessoa que nunca está disposta a participar de nenhuma iniciativa que se realiza no nosso meio, então, você é essa obreira que não se inclui.

O mais grave é que não está no mesmo barco. É urgente que repare o seu pensamento e que mude de trajetória. Como é possível uma obreira não ter prazer de aderir aos eventos, por exemplo, como este da festa dos tabernáculos?

Este post é para pensar e não para condenar quem quer que seja que não adere, mas para ficar atenta às suas reações e vontades. Talvez você possa ser aquela que participa em tudo, mas por outro lado não colabora em nada. É uma mera participante, e raramente veste a camisa e põe as “mãos na massa”. Não se dispõe a ajudar, convidando outras pessoas, não pergunta o que é preciso fazer…enfim, não se inclui!